7.13.2005

Domingo... mais Forró

Finalmente passou-se um dia em que me calhou alimentar os milhares de peixes do laboratório sem que fosse uma seca.
Para além da participação preciosa do meu iPod, que debitou Caetano Veloso e Gilberto Gil durante todo o tempo que estive de esguicho na mão a passar de tanque em tanque (‘as vezes isto pode ser motivo de desconcentração, pois distraio-me e começo a dançar e a cantar em vez de alimentar os peixitos), as duas sessões de “alimentação” foram intercaladas com um agradável brunch na East Village. Eu, a Sara, a Kerstin e a Catarina juntámos-nos ‘a Sara R. para celebrar o aniversário dela e enchemos a barriga de comida deliciosa e conversa. Num pequeno pátio nas traseiras do bar, ali ficámos prazenteiramente ‘a sombra a usufruir da espectacular invenção que é o Brunch.
Saímos de lá tão cheias que a ideia de ir comer feijoada Brasileira ‘a noite não nos parecia assim tão apelativa. Mas isso foi só naquele momento pois, passadas 3 ou 4 horas, já estávamos ansiosas por ir até ao S.O.B. (Sounds of Brazil) e deliciarmos-nos com esta maravilhosa iguaria gastronómica. Claro está que o facto de ir ser mais uma noite de Forró também entusiasmava toda a gente.
O espaço é excelente:

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

E a Feijoada estava deliciosa!

Image Hosted by ImageShack.us

Há que ganhar energias para passar a noite a dançar.
A Sara R. começou logo por aquecer com uma bela Cachaça :)

Image Hosted by ImageShack.us

A banda é extraordinária. Para além de músicos muito bons, a cantora, Magali, transmite uma energia e vivacidade contagiantes. E’ impossível ficar indiferente a
tanto entusiasmo.

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Ah, claro está que também há uns quantos músicos giros. A Sara gostou tanto do Flautista que hoje já me veio perguntar pelas fotografias. Assim, as próximas fotos são dedicadas ‘a Sarita. Especialmente para ti, o "Homem do Pífaro":

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Feliz? heheh

A pista estava cheia e ninguém parou de dançar.

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Dancei muito!
A determinada altura com um Carioca, para mim, exímio dançarino. Já tinha reparado nele. Penso que ele em mim também mas ainda não nos tinhamos decidido a finalmente dançar... até aí, altura em que, por entre a multidão, os nossos olhares se cruzaram e, por gestos, perguntei se o queria fazer.
A partir daí, não quis mais ninguém (pronto, pronto, também era muito giro, outra das razões… :P).

Mais tarde, quando a banda de Forró terminou, seguiu-se um agrupamento de Maracatú. Muitos tambores, batidas, ritmos… levaram toda a gente ao rubro. Ninguém estava parado e aquele som ressoava cá dentro, gerando mais movimento.

Foi uma noite extraordinária… totalmente Brasileira!
Totalmente demais, como só eles sabem dizer.

2 comments:

Anonymous said...

Maracatu!!!

sabes que dancamos Maracatu na nossa peca de teatro?? entramos na sala de rompante a dancar... ai, ai!!

vi

Sara said...

Era so para agradecer a foto do flautista, acho que vou por aqui no meu desktop...
Sara